Boys Band

Gozado.

Aqui na Inglaterra o povo tem fascínio por Boys Band.

No Natal só rolava músicas do Take That, Westlife e Boyzone.

Agora tem uma tal de JLS arrebentando com uma música lentinha, Love You More.

Eis o vídeo:

E, depois deles, vem arrebentando pelas tabelas uma tal de The Wanted com Lose My Mind.

Eles se apresentaram no X Factor com essa música e agora tá todo mundo atrás.

Boys Band prá mim são o retrato acabado da indústria musical dos anos 90/00.

Pesquisas de mercado disseram que as grandes consumidoras de produtos relacionados à musica são meninas adolescentes entre 12-17 anos (provavelmente).

Pronto.

Eis a receita:

Faça um grupo com 4 ou 5 moleques bonitinhos “com atitude”,

chame um bom compositor prá fazer suas músicas (no caso do JLS é o cara que fez “If I were a boy” da Beyoncé, por exemplo),

um bom produtor prá dar aquela cara de “já ouvi isso antes e gostei”,

uma boa sessão de fotos,

um clip bacanudo

e começe a contabilizar a grana entrando.

Ah, cantar bem é um pré requisito, pelo menos prá 1 deles.

Vide o oposto, as Pussycat Dolls. Quem cantava lá, pelo menos que mostravam, era a Scherzinger. As outras faziam um back bacana…

Aqui na Inglaterra funciona que é uma beleza.

Desde os Beatles. hahahahahahahahahahaha.

Tudo de bom

Billy.

3 Replies to “Boys Band”

  1. […] This post was mentioned on Twitter by maestrobilly. maestrobilly said: As novidades do "Fantástico Mundo das Boys Bands inglesas" estão aqui – http://bit.ly/eFNCgw […]

  2. Blergh… boys band = grupinho de pagode ..rs..convenhamos que Londres já foi mió na cena. Detesto musiquinha melosa como essa JLS… wanted eu nem ouvi..LOL.
    Entendi o que vc falou no “funciona desde os Beatles”, mas que pecado citá-los no post de pagode londrino…hahahaha. Abraço.

  3. […] o The Wanted é mais uma boyband inglesa que já foi citada AQUI, mas na época era só uma música lentinha que fazia sentido pro mercado […]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.