Do Pro Tools para o Reaper – uma excelente alternativa.

Muita gente já está largando o ProTools para entrar no maravilhoso mundo do Reaper.

O ProTools é ainda (e será por muito tempo) o padrão de qualidade no áudio digital.

O produto é extremamente completo, robusto, funcional, de uma qualidade superior e deu a cara para outros softwares que vieram depois, como o Logic, Ableton Live, Cubase e tantos outros.

Mas o ProTools é caro.

Muito caro.

E prá você rodar o ProTools você tem que ter um computador extremamente potente.

Fora o espaço em HD que ele consome.

E, ainda assim, bugs e crashes acontecem com frequência.

Já o Reaper apareceu como uma alternativa extremamente simples, leve e barata (você pode até usar de graça) ao ProTools recentemente.

E que fica melhor e mais funcional a cada dia que passa.

Cheio de atualizações, o Reaper também tem um grau de customização absurda.

Você pode até emular uma interface de ProTools nele, prá não estranhar tanto quando começar a usar.

Assista:

Ou ainda você pode arranjar as coisas do jeito que você quer.

Obviamente a Cockos, empresa do Reaper, tem páginas e páginas no seu Forum sobre como migrar do ProTools pro Reaper.

Um breve comparativo entre os dois:

ProTools

Compatível com Mac e Windows

MIDI – 12 canais

Numero de tracks (máximo) – 256

Formato de Plugins – AAX

Customização – pequena, já que todos os atalhos estão pré-determinados pelo fabricante

Preço – Compra única = US$ 599,00 ou pagamento mensal de US$ 24.92 (Junho 2018)

Reaper

Compatível com Mac e Windows

MIDI – ilimitado

Numero de tracks (máximo) – ilimitado

Formato de Plugins -VST, VST2, VST3, VSTi, DX (Windows), DXi (Windows), AU (Mac OS X)

Customização – total. Toda e qualquer função pode ser ligada a uma tecla, uma sequência de teclas ou cliques do mouse.

Preço – Grátis para avaliação (rola uma contagem de 5 segundos antes de usar, mas não tem data para terminar o uso), Uso pessoal US$ 60,00 e uso profissional US$ 225,00

__________________________

Resumindo?

Dê uma chance ao Reaper.

Eu uso já a algum tempo para mixagens de audios para Videos 360 e é fantástico. Super intuitivo, rápido, leve e fácil de usar.

E muito profissional do Áudio no mundo todo já migrou para o Reaper e está extremamente contente com os resultados.

O ÚNICO problema é que o Reaper não tem tradutor de arquivos OMF. Isso ainda é um problema. Mas acredito que em breve eles resolvam, já que é um pedido recorrente nos fóruns do aplicativo.

E se você quiser ferramentas, videos tutoriais (em inglês), aqui tem um excelente blog sobre o assunto.

Tudo de bom,

 

Billy.

 

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.