Realidade Virtual – Os Óculos.

Realidade Virtual.

Guarde este nome.

Ano que vem vc vai ver e ouvir muito sobre o assunto.

Não vou explicar aqui o que é RV (como os amigues chamam a Realidade Virtual), então vai lá na Wikipedia pra saber marromeno…

O que eu quero mostrar aqui é como a RV chega até nosso cérebro.

Obviamente que através dos olhos e ouvidos.

E para isso temos equipamentos especiais.

Vou mostrar alguns aqui, seus features e até link pra comprar já.

Sim, já vivemos no futuro. hahahahaha

________________________________

O primeiro e mais conhecido é o Oculus Rift.

OculusRift

Pensou em RV lembrou do Oculus.

O nome é excelente.

Feito para o Windows 10 e o Xbox One.

Ele tem todo um equipamento mega sofisticado nele, é leve, e vc tem que conectar por cabo HDMI seus óculos no PC, além de uma conexão USB que serve tanto pra carregar como enviar arquivos de update e conectar controles.

Interessante. Fica lá o cabo pendurado (é leve e comprido) e vc joga numa boa via computador. Mas tem também conexão wireless para Xbox One.

A tela tem resolução de 2160 x 1200 com refresh de até 90Hz.

O áudio é via Head-related Transfer Function (HRTF), que permite áudio binaural ou 3D.

Leia aqui como funciona este tipo de áudio.

Seu PC tem que ter Windows 10 e uma configuração mínima Intel i5 CPU, 8GB of RAM com placa de video Nvidia GTX 970 ou AMD 290.

_____________________________

Project Morpheus  agora Playstation VR

Morpheus1

Resolveram mudar o nome por motivos de ~é óbvio que Playstation VR é um nome melhor e mais conhecido e já explica pro que serve~

Mesmo esquema do Oculus.

Só que da Sony.

Leve igual, mesmo esquema para colocar na cabeça sem cair (com suporta para toda a cabeça), tem uma tela OLED 1920 x 1080 com refresh de 120Hz, menos que o Oculus, mas o áudio é um pouco melhor (a Sony trabalha com isso faz tempo né?).

O estilo é mais Star Trek que o anterior, e uma diferença grande aqui é o ângulo de visualização. Enquanto o Oculus tem 110 graus de visão, o Morpheus tem 100.

10 graus faz diferença? Pode ser.

Ainda não está à venda, mas o link da Amazon é este AQUI.

__________________________

HTC Vive

htc_vive

Um visual mais bruto, mas ainda é protótipo.

Acho que falta uma tapa de elegância pra sumir com os sensores (bem como para protegê-los de agressões externas).

Feito pela HTC em parceria com a Valve para usar no Steam.

Tipo jogar Half Life 3 em RV. Uia!

Tela de 1080 x 1200 de resolução, usa 70 sensores para movimento, tanto da cabeça quanto dos olhos internamente, ainda vem com 2 sensores infravermelhos que vc coloca na sala e que lê os movimentos do seu corpo, bem como sua localização dentro do espaço.

Também tem cabo HDMI para ligar no computador/console, e todas as outras features dos outros dois acima.

Bem interessante, quando começar a vender na Amazon, este é o link.

__________________________

Samsung Gear VR

Samsung-Gear-VR

Baseado na tecnologia do Oculus, mas de uma forma diferente.

Vc encaixa seu Samsung Galaxy S6 (ou Note 4) na parte da frente dos óculos, conecta via dock USB, e usa.

Usa o processamento do seu celular Android para a coisa toda funcionar.

Simples.

Já tem um monte de jogo na Milk VR, a loja, e é, acredito, o futuro da coisa toda.

A não-necessidade de cabos para a coisa toda funcionar.

Tipo o Oculus, o Morpheus e o Vive lançarem seus próprios “celulares” que conectem via Bluetooth aos consoles para jogar.

Já está à venda na Amazon (clique aqui para ir pra lá).

______________________

Zeiss VR One

carl-zeiss-vr-one

Exatamente o mesmo esquema do Samsung Gear VR, só que aceita qualquer smartphone com tamanhos entre 4.7 ou 5.2 polegadas.

Ou seja, aquele seu iPhone entra aí e dá pra jogar nele.

E também tem as lentes Carl Zeiss, reconhecidas mundialmente por sua qualidade.

Também já está à venda na Amazon (clica aqui pra ir pra loja).

________________________________

Merge VR HDM

 

Compatible with any iOS or Android smartphone from the last two years, the affordable Merge VR Goggles are available for preorder through GAME for only Pounds Sterling49. Learn more at www.MergeVR.com (PRNewsFoto/Merge VR)

Compatível com iOS e Android, feito de espuma, o que o torna mais leve que os anteriores, e um pouco mais bem resolvido que os próximos, de cartão.

Interessante por também aceitar 2 inputs, o que faz com que ele também entenda interações com o ambiente real e virtual. Tiros, arremessos, chutes, etc, etc.

Faz na realidade, vai pro Virtual.

Pré venda por US$ 79 AQUI

________________________________

Google Cardboard

google

O mais simples de todos, no esquema “receba em casa e monte você mesmo”.

Papelão, lentes, velcro e pronto. Sem straps pra prender na cabeça nem nada.

No mesmo esquema de colocar o celular na frente e usar, como o Samsung e o Zeiss.

Óbvio também que é o mais barato de todos, clique AQUI pra ver quanto custa na Amazon.

E na mesma linha, algumas start-ups já fazem seus próprios óculos na mesma pegada, mas com algo a mais.

 

É o caso dessa galera de Amsterdam, Cardboard Owl.

Screen Shot 2015-09-11 at 16.11.00

A diferença aqui é, além da qualidade do papelão superior, este aqui ser dobrável.

Entenda aqui no vídeo.

Simples e funcional. Com um toque de elegância esse papelão verde.

Mais simpático que o Google Cardboard. E mais barato também.

Fora que os caras fazem personalizado a partir de 100 unidades.

Tipo “brinde de evento da firma”? Então. Tá lá!

Mais um na mesma linha é o da Microsoft, o VR Kit.

starttodaypeople_1

O lance aqui será, provavelmente, a integração com o Hololens, o projeto de Realidade Aumentada da empresa. Mas pra Realidade Aumentada funcionar vc tem que usar as mãos. No caso, aqui, uma mão segura o equipamento e outra faz os trâmites? Estranho…

______________________

Considerações

Existem mais um monte de marcas e modelos, principalmente entre o modelo Zeiss e os Cardboards. Alguns de plástico, outros mais invocados, mas com o esquema de colocar o celular na frente.

Acredito que todos os óculos são legais, cada um com sua gama de jogos e aplicativos específicos.

O Oculus com seus jogos Xbox One, Morpheus com o Playstation, Vive com o Steam, Samsung com Samsung (dãr), e os outros com jogos, vídeos e apps para qualquer plataforma de celular.

Todos eles tem camera frontal para Realidade Aumentada (menos os Cardboards, mas é questão de tempo alguém fazer um corte na frente do papelão pra usar a camera do celular pra isso), o que é legal, te aumenta a possibilidade de uso.

Todos vão vender muito. Isso é fato.

Principalmente os mais baratos, mais pra pessoa num momento inicial entender como a coisa toda funciona pra depois pensar em qual/onde/quando/como vai gastar mais grana e focar em algo mais “bacanudo”.

Agora começa a guerra.

Quem já tem bastante material legal hoje em dia?

Quem vai lançar mais títulos de games focados em 3D?

Quem vai adaptar melhor os jogos e filmes 2D para 3D? E quem será o mais rápido nisso?

Quem vai focar mais em filmes?

Quem vai focar mais em Realidade Aumentada e seu uso no dia-a-dia?

Quem vai fazer mais aplicativos?

Quem vai desenvolver e liberar mais ferramentas para os makers?

Vamos acompanhar…

Tudo de bom,

Billy.

Este post apareceu primeiro no Blog do Maestro Billy

10 Replies to “Realidade Virtual – Os Óculos.”

  1. […] A companhia que desenvolve o Oculus VR anunciou ontem aplicativos que permitem que você assista a Netflix, o Vimeo, o Hulu e o Twitch com seus óculos de Realidade Virtual. […]

  2. […] que os Cardboards como o do Google e da Microsoft serão fundamentais para começar a difundir a tecnologia, mas a decisão de compra de um aparato […]

  3. […] é um óculos de Realidade Virtual como o Oculus ou o Samsung VR. Mas é um óculos de Realidade Virtual, que coloca a RV na sua […]

  4. […] A tecnologia por trás disso é misturar enquanto grava. Juntar os vídeos com imagens fixas em um só arquivo. Assim é criada a sensação de 3D, que será mais imersiva num óculos de RV qualquer. […]

  5. […] a gente entende o porquê. Não é só colocar os óculos 3D e os fones de ouvido, tem muito mais coisa acontecendo ao mesmo […]

  6. […] a gente entende o porquê. Não é só colocar os óculos 3D e os fones de ouvido, tem muito mais coisa acontecendo ao mesmo […]

  7. […] Maxim Chizhov, co-fundador do Virtuality Club de Moscou, eles usam todos óculos existentes até o momento (Oculus, HTC, Playstation VR, Samsung VR), e a estimativa é que a RV […]

  8. […] Cardboard, o formato mais simples de óculos para Realidade Virtual (conheça os outros tipos aqui), ainda temos as lentes para encaixar e o código para baixar o jogo “Happy Slopes” uma […]

  9. […] Cardboard, o formato mais simples de óculos para Realidade Virtual (conheça os outros tipos aqui), ainda temos as lentes para encaixar e o código para baixar o jogo “Happy Slopes” uma […]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.