Spotify Running – Eu fui!

Testei o Spotify Running.
Calma, eu não corri.

Só “corri” uns 30 metros pro Spotify sentir meu passo e me dar o bpm correto para achar as musicas mais bacanas pro meu exercício.

Lógico que se eu continuasse a correr ele ficaria buscando o bpm correto até eu parar.

Tem até uma playlist que deve forçar vc a correr cada vez mais rápido, uma motivacional mesmo.
Foi legal.

Andando vc não consegue regular o bpm, então vc pode dar um skip.

Mas porque usar o Running pra andar?

Porque as musicas são mais curtas, o aplicativo muda de música meio que na batida certa (note bem — meio), e as partes mais paradas como intro ou aquelas paradonas no meio são excluídas, o aplicativo já troca a música automaticamente.

Então a gente tem uns 2–3 minutos no máximo de cada música, o que torna a experiência toda mais dinâmica.

E vc pode fazer isso tudo com várias playlists em vários estilos. Testei com uns flachbacks, com música Indie (rolou um Devo-Whip It) e com Pop atual.

Bem interessante, já elimina o problema de vc ficar criando playlist específica pra isso.

Em breve, numa atualização do seu celular.

Tudo de bom,

Billy.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.